O quê te inspira ?

Você já se imaginou um maratonista que perdeu suas pernas ? Ou um escritor que perdeu seus braços ? Seja lá qual for seu pesadelo infernal, qualquer um de nós teria problemas sérios em cumprir suas funções sem ter os meios indispensáveis para cumprí-las.

O que fazer quando você tem um bloqueio criativo ? E, pior, o que fazer quando um escritor por profissão sofre de um bloqueio desses ? Em um primeiro momento, não parece ser um problema tão grave quanto os problemas citados anteriormente, afinal, você ainda continua com todos os seus membros intactos.

Porém, para aquele que sofre o bloqueio, com certeza, é sim algo comparável ao pior desastre físico possível, visto que as idéias são a fonte de seu trabalho. Sem idéias não se tem sobre o que escrever e, sem que consiga fazê-lo, logicamente, não se consegue trabalhar. Imagine-se impedido de exercer suas funções, não por não estar disposto a fazê-lo, mas sim por algum motivo inexplicável que o impede. Nada físico, nenhuma pessoa, objeto ou nada parecido. Simplesmente não vai.

Eu posso imaginar a dificuldade que uma pessoa criativa deve enfrentar quando sua fonte de idéias, anteriormente tida como algo inesgotável, de repente, sem explicação aparente, se esgota. Não sou uma pessoa que depende dessa fonte de idéias constantemente em funcionamento perfeito, mas sempre que percebo que a fonte está próxima de se esgotar, fico extremamente chateado.

Constantemente tenho vontade de escrever algo novo, mas não é sempre que tenho a inspiração necessária para fazê-lo. Também não sei dizer ao certo o ponto exato a partir do qual essa inspiração é o bastante para gerar conteúdo decente. As vezes simplesmente acontece, mesmo sem que eu tenha um assunto específico sobre o qual escrever. A coisa flui e no final parece algo interessante o bastante para ser publicado e compartilhado com os leitores.

Porém, é muito mais fácil quando se tem alguma idéia ou algum tema já pensado sobre o qual escrever. Repetir alguns passos que repeti quando tive boas idéias que julgo terem resultado em bons textos por vezes engana o cérebro o bastante para força-lo a acordar, fazendo com que os pensamentos comecem a clarear. O bastante para que algo aproveitável surja.

Mas não é uma fórmula mágica que sempre funciona. Ainda não consegui entender o que exatamente dispara a luz vermelha e exige que o cérebro passe a funcionar da forma que eu gostaria que funcionasse sempre. Uma das coisas que com certeza gera vontade de escrever cada vez mais é o retorno dos leitores sobre os textos que escrevo.

Quando há um grande retorno, sempre existe mais motivação para escrever cada vez mais e sempre algo interessante acaba surgindo. Por outro lado, a falta de retorno, seja através de comentários ou mensagens de aprovação e/ou reprovação, gera uma onda crescente de desinteresse que afasta ainda mais qualquer resquício de boa idéia que poderia estar se formando.

Também é uma situação bem parecida com a história do ovo e da galinha. Sem escrever, não tenho retorno de leitor algum e, sem retorno algum, novas idéias não aparecem e a bola de neve do desinteresse vai se fortificando, ficando maior e mais perigosa. O quê te inspira ? O que faz com que você tenha motivação para produzir algo que julgue interessante o bastante a ponto de expor ao mundo ? O que te move, te motiva, te inspira e faz com que a barreira da vergonha seja ultrapassada, te permitindo compartilhar suas ideias e visões com seus semelhantes ?

A anonimato parcial que a Internet proporciona pode ser o combustível que faltava para fazer com que um escritor solitário, que geralmente coloca suas idéias em um papel para sua própria apreciação, torne suas idéias públicas. Eu acredito que isso seja o caso de vários blogueiros desconhecidos que podem, de um dia para o outro, atrair meia dúzia de leitores admiradores de seus textos.

Mas não é exatamente a isso que eu me refiro. Não é sobre o que te faz dar o primeiro passo e começar a expor suas idéias, mas sim o que te mantém no mesmo caminho ao longo do tempo, com todos os empecilhos encontrados pelo meio do caminho em sua rotina complicada de trabalhador e blogueiro em tempo livre ?

Anúncios

4 comentários sobre “O quê te inspira ?

  1. É rapaz, bem falado. Assim que achar a resposta pra essa falta de inspiração, me avise urgente! 😉
    É bom saber que isso só não acontece comigo… (vide meu blog parado. 😛 )

    []’s!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s