Thunderbird e ReplyToList : agora possível no Debian !

A principal razão de eu ainda usar um cliente de e-mail em modo texto, mesmo usando um ambiente gráfico, é que eu nunca encontrei um cliente de e-mail gráfico que tivesse a agilidade e o conjunto de recursos que eu estou acostumado a utilizar em meu cliente de e-mail atual.

O Mozilla Thunderbird foi o cliente de e-mail gráfico que chegou mais perto de atender a todas as minhas necessidades e, na verdade, é o cliente de e-mail que utilizo na empresa onde trabalho, onde tenho que lidar com mensagens provenientes de fontes que não dão a mínima para padrões.

Para uso doméstico, onde não sou obrigado a suportar esse tipo de mensagens, sempre me mantive fiel ao meu bom e velho cliente de e-mail em modo texto, que me oferece agilidade e recursos que nenhum outro cliente de e-mail oferece, dos quais eu dependo fortemente.

A única razão pela qual eu ainda não havia conseguido me acostumar ao Mozilla Thunderbird é o fato do mesmo não ter suporte nativo ao recurso de “responder para lista”. Para mim, que assino algo em torno de 15 listas de discussão diferentes, esse recurso é essencial.

Uma extensão para acrescentar essa funcionalidade existe, mas a mesma depende de algumas modificações no código do Mozilla Thunderbird, através da aplicação de um patch que aparentemente está agendado para entrar somente na versão 3.0 (sim, isso mesmo, 3.0 e não 2.0) do Thunderbird. Eu previ que não seria uma boa manter minha própria cópia compilada manualmente do Thunderbird e ter que atualizá-la constantemente a cada novo release.

Hoje, porém, parece que minhas preces foram ouvidas : o novo pacote da versão 1.5.0.5 do Mozilla Thunderbird que acabou de entrar no Debian unstable contém o patch em questão aplicado, possibilitando que a inclusão do recurso de responder para listas seja tão fácil quanto simplesmente instalar a extensão que implementa esse recurso.

Hora de, novamente, tentar fazer a migração, reescrever meus filtros do procmail para expressá-los de maneira que o Mozilla Thunderbird entenda e, quem sabe, dar adeus ao fetchmail. Porém, ainda vou manter um MTA local em meu laptop (usando meu servidor pessoal como relayhost), já que seria pedir demais subsitutos gráficos (extensões do Thunderbird talvez ?) do reportbug e do comando bts (presente no pacote devscripts). Ou não ?

Update: Screenshot disponível, exibindo a opção de menu (também existe um botão na barra de menus) adicionada após a instalação do plugin.

Anúncios

Um comentário sobre “Thunderbird e ReplyToList : agora possível no Debian !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s